Promoção Starters

“Seu mundo mudou para sempre. Callie perdeu os pais quando as guerras de Esporos varreu todas as pessoas entre 20 e 60 anos. Ela e seu irmão mais novo, Tyler, estão se virando, vivendo como desabrigados com seu amigo Michael e lutando contra rebeldes que os matariam por uma bolacha. A única esperança de Callie é Prime Destinations, um lugar perturbado em Berverly Hills que abriga uma misteriosa figura conhecida como o Old Man. Ele aluga adolescentes para alugar seus corpos aos Terminais — idosos que desejam ser jovens novamente. Callie, desesperada pelo dinheiro que os ajudará a sobreviver concorda em ser uma doadora. Mas o neurochip que colocam em Callie está com defeito e ela acorda na vida de sua locadora, morando em uma mansão, dirigindo seus carros e saindo com o neto de um senador. Parece quase um conto de fadas, até Callie descobrir que sua locatária pretende fazer mais do que se divertir — e que os planos de Prime Destinations são tão diabólicos que Callie nunca podia ter imaginado…”

————————————————————————————————————————————————————————————————–

Vocês que já leram minha resenha do livro Starters, de Lissa Price, sabem que tive um momento filosófico/conspiratório/medonho e divaguei sobre um possível futuro da humanidade. A guerra entre jovens e velhos. Vou transcrever aqui minhas palavras para ilustrar e prometo que logo chego na promoção!

“Se o mundo não passar por um acontecimento apocalíptico, como em ¾ dos livros distópicos, muito provavelmente a guerra será entre velhos e jovens mesmo. Quero dizer, o que a ciência realmente procura desde sempre? Prolongar a vida, enganar a morte, imortalidade, blá blá blá. Não deve ser uma noticia tão ruim assim quando você, com seus 75 anos, lá em 2067, descobrir que pode durar até os 200, fácil, ou que curaram a morte. Né? Né?! Daí todo mundo vive até 200, ou 2000 anos, quem sabe? Todo mundo tá feliz, e nós bookaholics vamos poder ler praticamente todos os livros do mundo com todo esse tempo! O único problema é que o planeta não tem ESPAÇO e RECURSOS pra tanta gente que não empacota nunca.

Vi isso em O Pacto (Gemma Malley) e provavelmente em algum outro, mas não consigo me lembrar agora. Enfim, onde quero chegar é: o que vocês acham que vai acontecer se estenderem a vida de uma pessoa para mais de 200 ou se ninguém mais morrer?

Férias! (?)

 Agora vamos ao sorteio. Sim, vai ser sorteio, PORÉM eu adoraria saber a opinião de vocês e peço que respondam a pergunta do forms. Antes, vamos às regras, aquelas, sabe? Que todo mundo sabe, mas que não custa lembrar =]

Para participar você deve:

-Preencher o formulário corretamente;

– Seguir o blog através do e-mail (ali no canto direito);

– Possuir endereço de entrega no Brasil;
E se quer chances extras, você pode:
– Seguir o Twitter do Blog;
– Curtir o blog no Face;
– Divulgar a promoção (até duas vezes por dia) nas redes sociais com a seguinte frase:
 “Eu e a @AndhromedaG já sabemos o que vai acontecer no futuro, e você http://wp.me/p1V7px-pW?”
– Comentar nesse post.
Preencha o formulário outra vez para cada uma dessas coisas!

O RESULTADO (21/08/2012)

Primeiro, vou mostrar algumas das frases que vieram com as inscrições. Muito bacana da parte de vocês realmente participar, o IYRDIW agradece! 😀

“As pessoas vão procurar por outros lugares fora do planeta terra, para habitar. “
 
“Depende de quem estiver no poder, como acho que serão os velhos, eles caçarão os jovens com algum tipo de desculpa do tipo ‘são todos uns inuteis descerebrados, e ah sim, tem uma doença mortal e contagiosa. Morte aos jovens!'”
 
“Acho que o mundo entrará numa daquelas campanhas em massa para não se ter mais filhos já que terá um probleminha de espaço rsrs, porém os jovens irão se sentir injustiçados (E terá muitos bebês clandestinos por aí, que precisarão ser escondidos do governo, isso está parecendo nascimento de Moisés não? ahahah ) eu posso apostar que isso aconteceria, haveria muitos conflitos e os que vivem para sempre (os ricos é claro) ficariam indignados com os bebês clandestinos roubando o espaço deles no futuro e tudo acabaria no caos”
 
“Vai haver uma superlotação, vai aparecer uma nova especie humana, todos vão ficar ricos de tanto trabalhar e vão poder comprar muitos livros”
 
“Hades vai ficar #chatiado”

Tá, tá! Agora vamos ao resultado mesmo!

 

E quem leva o kit Starters é:

 

Parabéns Ana Carolina! Fique de olho na sua caixa de entrada, logo estarei mandando um e-mail para pegar seus dados!

Não foi dessa vez? Relaaaaaaaaaaaaaaxa, tem mais um monte de promoções bacanas rolando e outras tantas vindo aí!

O prêmio? Um kit do livro Starters contendo: 1 exemplar de Starters, marcador de Starters, caixinha personalizada e uma… uma… não sei o que é aquilo! Mas é bonita e brilhante e bonita!

Viram? Pois bem, o sorteio acontece dia 21 de Agosto, ou seja: podem preencher o formulário até 20 de Agosto. Espera, 20 de Agosto?! Já?!! É!!!

Corram, cambada!

xoxo e boa sorte!

P.S.: Esse é o post nº 100 do IYRDIW. MUITO obrigada a todo mundo que acessa e comenta e dá ouvidos à essa perturbada, isso é muito importante para mim e fico feliz de saber que chegamos tão longe já! Um beijão! =]

Starters – Lissa Price

  •     Autor: Lissa Price
  •    Editora: Novo Conceito
  •    Nº de Páginas: 368
  •    Edição: 1
  •    Ano: 2012
  •    Título Original: Starters
  •    Tradutor: Ivar Panazzolo Júnior
  •    Avaliação: 7,0

Seu mundo mudou para sempre.
Callie perdeu os pais quando as guerras de Esporos varreu todas as pessoas entre 20 e 60 anos. Ela e seu irmão mais novo, Tyler, estão se virando, vivendo como desabrigados com seu amigo Michael e lutando contra rebeldes que os matariam por uma bolacha.
A única esperança de Callie é Prime Destinations, um lugar perturbado em Berverly Hills que abriga uma misteriosa figura conhecida como o Old Man. Ele aluga adolescentes para alugar seus corpos aos Terminais — idosos que desejam ser jovens novamente. Callie, desesperada pelo dinheiro que os ajudará a sobreviver concorda em ser uma doadora. Mas o neurochip que colocam em Callie está com defeito e ela acorda na vida de sua locadora, morando em uma mansão, dirigindo seus carros e saindo com o neto de um senador.
Parece quase um conto de fadas, até Callie descobrir que sua locatária pretende fazer mais do que se divertir — e que os planos de Prime Destinations são tão diabólicos que Callie nunca podia ter imaginado…

————————————————————————————————————————————————————————————————–

Não sei do crime, mas O FINAL COMPENSA.

Certo, vou deixar isso no ar, pedir para você baixar o conto Retrato de Uma Starter e passar para um tópico meio nada a ver antes da resenha.

No momento que li a sinopse de Starters a primeira vez comecei a divagar. Pensei nas possibilidades de tudo realmente virar uma distopia no futuro e viajei formando teorias conspiratórias ou não. A mais forte e plausível (na minha cabeça cafeínada!) é a seguinte.

Se o mundo não passar por um acontecimento apocalíptico, como em ¾ dos livros distópicos, muito provavelmente a guerra será entre velhos e jovens mesmo. Quero dizer, o que a ciência realmente procura desde sempre? Prolongar a vida, enganar a morte, imortalidade, blá blá blá. Não deve ser uma noticia tão ruim assim quando você, com seus 75 anos, lá em 2067, descobrir que pode durar até os 200, fácil, ou que curaram a morte. Né? Né?! Daí todo mundo vive até 200, ou 2000 anos, quem sabe? Todo mundo tá feliz, e nós bookaholics vamos poder ler praticamente todos os livros do mundo com todo esse tempo! O único problema é que o planeta não tem ESPAÇO e RECURSOS pra tanta gente que não empacota nunca.

Vi isso em O Pacto (Gemma Malley) e provavelmente em algum outro, mas não consigo me lembrar agora. Enfim, onde quero chegar é: o que vocês acham que vai acontecer se estenderem a vida de uma pessoa para mais de 200 ou se ninguém mais morrer?

Férias! (?)

Starters foi uma leitura difícil, mas que ainda assim consegui levar a cabo rapidamente. A minha dificuldade veio logo no começo e se estendeu até mais ou menos o meio da trama, o que dá para classificar como um grande problema, dependendo da sua paciência. Afinal, quem se motiva a continuar lendo um livro cujo começo é tão… meh.

Eu não detestei Starters, mas também não amei. Verdade seja dita: o livro podia ser BEM mais do que é. As duas principais, provavelmente as únicas, razões para eu QUASE não recomendar a criação de Lissa Price são:

                1- No começo, Callie é superficial. Quando acorda na mansão, é como se ela nunca tivesse passado um ano inteiro só com o pão que o diabo amassou pra comer, vendo o irmão morrer aos poucos e tendo que fugir de tudo e todos! A impressão que tive é que ela só tirou umas férias particularmente ruins. Demorou para termos veracidade nas ações e reações da menina.

“Nóis capota mai num breca!”

                2- No começo, Callie é inconstante. A vida dela vira de cabeça pra baixo, dá loops invertidos e um triplo mortal carpado de lado e a menina ainda tem cabeça pra tirar uma tarde romântica e suspirar por um engomadinho que surgiu do nada. Daí ela volta a pensar na realidade e me vem com síndromes de Cinderela! Daí volta a ignorar todas as coisas loucas que estão acontecendo! Dái. Dái. Dái que deu pra mim. A impressão que tive foi do romance ficar sem pé nem cabeça.

Vamos dizer que minha simpatia toda já estava com Michael desde Retrato de Uma Starter e que era ele se lascando pra cuidar do irmãozinho doente dela, enquanto Callie fazia piqueniques com Blake por ai. Parece que Lissa queria, mas não queria colocar um romance na estória, essa indecisão me chateou bastante enquanto era praticamente tudo o que tínhamos do livro.

Porém, como nem só de amor vive o poeta, a estória tem um bom mistério. E foi isso que me colou na poltrona, mesmo quando não aguentava mais ler dos suspiros da Callie. O leitor fica tão cego quanto ela num primeiro momento (o livro é narrado em 1ª pessoa) e isso nos leva a imaginar ‘n’ explicações para a Voz que está na sua cabeça, por que ela está de volta para seu corpo antes da hora e que tipo de malignidade se passa na Prime Destinations…

Do meio para o final as coisas esquentam, ganham um ritmo frenético e Callie é obrigada a deixar a Cinderela dentro de si de lado, ou as coisas poderiam ficar ainda mais feias. Agora, vou confessar para vocês o grande motivo para eu RECOMENDAR Startes. Eu não dava nada pelo final. #ProntoFalei

Estava me aproximando dele e sinceramente achei que já tinha visto tudo o que tinha para ver, que tinha sido uma leitura mediana, muito bem, obrigada, vamos para a próxima. Só que não. O que a Price fez ali não havia nem dado um oi de longe na minha mente antes que eu lesse. Eu fiquei… eu… fiquei….

“Iiiiiiiiiisso!”

Foi perverso. Foi bem bolado. Foi o gancho de ouro (já que temos uma continuação) para um livro que começou nos tropeços e foi ganhando forma conforme avançava. Então é esperar Dezembro, quando Enders será lançado lá fora, e descobrir se as coisas vão continuar tão douradas e empolgantes quanto o final de Starters.

Boa sexta

xoxo

Promoção Nacionalizando

Dia 7 de Setembro é uma data muito importante, todo mundo sabe. É feriado nacional e povo brasileiro pode aproveitar vários desfiles e paradas oficiais feitos para celebrar esse dia memorável. As ruas se enchem de jubilo e o país se une em uma só voz, fogos de artifício colorem os céus e criancinhas escutam, com olhos arregalados, avidamente a história que marca esse data. Tem direito até a musiquinha!

Não tinha verde/amarelo então vai vermelho mesmo

Dia 7 de Setembro é…

o aniversário da minha mãe.

(Y)

Acho que também tem a ver com 1820 e bolinha, mas não a deixem ouvir isso, as coisas podem ficar feias.

Brincadeiras à parte, para comemorar a Independência do Brasil, o IYRDIW separou alguns livros altamente nacionais para dar a um sortudo no dia 7 do mês 9.

 As regras até Dom Pedro já sabe, mas não custa relembrar:

Para participar você deve:

-Preencher o formulário corretamente;

– Seguir o blog através do e-mail (ali no canto direito);

– Possuir endereço de entrega no Brasil;
E se quer chances extras, você pode:
– Seguir o Twitter do Blog;
– Curtir o blog no Face;
– Divulgar a promoção nas redes sociais a seguinte frase:
 “Declaro independência dos livros estrangeiros agora que a @AndhromedaG vai me dar um monte de nacionais! http://wp.me/p1V7px-ph”
– Comentar nesse post.
Preencha o formulário outra vez para cada uma dessas coisas!

Resultado! (09/09/2012)

Primeiro quero agradecer a todo mundo que participou e espero que tenham tido um ótimo feriado! Minha mãe agradece a atenção nacional de sempre fazer aquelas paradas legais e dar folga pra todo mundo no dia do aniversário dela e deseja ao ganhador uma boa leitura!

O número sorteado:

A pessoa sorteada:

Parabéns Anderson! Fique de olho na sua caixa de entrada, logo enviamos um e-mail para você!

Não ganhou? Don’t worry! Outros sorteios estão ou estarão logo no ar!

Uma última curiosidade, a interpretação original da bandeira nacional, adotada em 1889, é ligeiramente diferente daquela que muitas vezes ensinam no colégio:

Boa sorte a todos e fiquem longe dos sabres, cavalos e margens de riachos por ai!

Insonia is Coming #5

Insonia Is Coming é uma coluna fixa do blog IYRDIW onde falo dos principais lançamentos.
 

Adivinha quem está ansiosa para começar a leitura de um super distópico? Pois é! Meu Caminhos de Sangue, da Moira Young, já está na cabeceira da cama, pronto para começar a ser lido! Mas, enquanto a resenha não sai, deem uma olhada no Book Trailer feito para Blood Red Road (título original) com legendas em português:

Yay!!

Ok, vamos à literatura!

O que Alice Bingley-Beckerman, Reena Paruchuri e Molly Miller têm em comum é que todas são enteadas de madrastas horríveis, perversas e cruéis. E nenhuma delas vive feliz com essa situação. Embora pareça improvavel que sejam amigas, esse problema em comum poderá provar o contrário. Para impedir que os pais continuem enganados com as escolhas amorosas, as meninas se transformarão nas “MAÇÃS ENVENENADAS’.

Adoro contos de fadas, tanto os tradicionais quanto os modernos. Maçãs Envenenadas promete uma releitura divertida e interessante de uma estória que parece estar super na moda! (Previsto para 31/08/2012)

Seu mundo mudou para sempre. Callie perdeu os pais quando as guerras de Esporos varreu todas as pessoas entre 20 e 60 anos. Ela e seu irmão mais novo, Tyler, estão se virando, vivendo como desabrigados com seu amigo Michael e lutando contra rebeldes que os matariam por uma bolacha. A única esperança de Callie é Prime Destinations, um lugar perturbado em Berverly Hills que abriga uma misteriosa figura conhecida como o Old Man. Ele aluga adolescentes para alugar seus corpos aos Terminais — idosos que desejam ser jovens novamente. Callie, desesperada pelo dinheiro que os ajudará a sobreviver concorda em ser uma doadora. Mas o neurochip que colocam em Callie está com defeito e ela acorda na vida de sua locadora, morando em uma mansão, dirigindo seus carros e saindo com o neto de um senador. Parece quase um conto de fadas, até Callie descobrir que sua locatária pretende fazer mais do que se divertir — e que os planos de Prime Destinations são tão diabólicos que Callie nunca podia ter imaginado…

Distópico! Distópico! Distópico! Quer um conselho? Passe longe do jogo disponibilizado no Facebook, ele contém spoilers! Quer outro conselho? (2 pelo preço de 1) Leia o conto Retrato de Uma Starter aqui e conheça um pouco mais os starters e os elders.(Previsto para 27/07/2012)

Clássico da literatura fantástica americana, “A Companhia Negra” foi publicado originalmente na década de 1980. “A Companhia Negra” é um grupo de mercenários com uma história que remonta a séculos. Numa tentativa de reviver o passado de glórias, ela se une ao exército da Dama, uma feiticeira de poder inigualável que acordou de um sono de eras para reconquistar tudo que perdeu. A Companhia se vê envolvida, então, em muito mais do que campanhas militares: ela precisa sobreviver aos conflitos extremamente traiçoeiros entre os servos da Dama. Num mundo onde a magia está presente em cada esquina, toda rua esconde segredos maravilhosos e perigos mortais.

Um épico famoso para os fãs do gênero, não vejo a hora de conferir a edição que a Record preparou, a capa já diz muito! (Previsto para 24/07/2012)

Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.

Para quem já leu Onde Está Você, Alasca? e gostou, é uma boa pedida. Esse romance de John Green está dando o que falar nos últimos tempos. (Previsto para 06/07/2012)

Nicollo Pollo, pai do explorador Marco, finalmente revela a história que manteve em segredo durante toda a vida: a história de Altair, um dos primeiros e mais extraordinários assassinos do Credo. É o curso da aventura de Altair em Constantinopla que irá selar o destino dos Templários e de sua saga na Europa. No Brasil, a série ultrapassou a marca de 200.000 exemplares vendidos. Lançada em 2007, a franquia de jogos da Ubisoft já vendeu mais de 38 milhões de cópias para diversas plataformas (PC e vídeo games). Na semana de seu lançamento, o jogo da franquia vendeu 2,5 milhões de cópias, quebrando um recorde de vendas de vídeo game nos Estados Unidos. A Sony Pictures está em fase de negociações finais com a Ubisoft para a adaptação da série para o cinema.

Pra quem não sabe,  Altaïr é o predecessor de Ezio (ah, Ezio…) entre os assassinos. Gosto dos livros e com certeza vou conferir esse, mas recomendo que joguem os jogos, são dinâmicos e indecentemente bem feitos! (Previsto para 03/08/2012)

Agora, vindo diretamente de alguma dimensão que com certeza não é a nossa…

… sério, é dificil de acreditar…

… mas eu juro que é verdade!

Sorry, ainda estou tentando digerir, é ele mesmo!!!

Depois de 5 anos (1 a mais graças à Rocco) eis que surge:

Até bem pouco tempo, Eragon nada mais era do que um pobre garoto da fazenda, e seu dragão, Saphira, apenas uma pedra azul na floresta. Em Herança, o destino de toda uma civilização está sobre seus ombros. Fortalecidos por longos treinamentos e intocáveis batalhas, Eragon e Saphira somam muitas vitórias, mas também colecionam dores de perdas muito difíceis. Agora, a derradeira batalha está para começar. O Cavaleiro e seu dragão chegaram mais longe do que qualquer um ousou imaginar. Mas será que eles serão capazes de derrubar o poderoso tirano Galbatorix e restaurar a justiça no reino da Alagaësia? E se conseguirem, qual será o custo da vitória?

Depois de permanecer 42 semanas no ranking dos mais vendidos do The New York Times, o quarto livro do Ciclo A Herança, do jovem Christopher Paolini, chega as livrarias brasileiras em agosto com a tiragem inicial de 30 mil exemplares, fechando a saga iniciada com Eragon e seguida por Eldest e Brisingr. 

São 792 páginas para matar a saudade e chafurdar na estória de Eragon e Saphira, e Murtag . Vou ser otimista e acreditar que esse não vai ter a enrolação do 3º e que o Paolini aproveitou todo o tempo de que dispôs para terminar o Ciclo de forma satisfatória!

Pra terminar, e ainda no clima Eragon, esse vídeo que já é antiguinho sobre a entrega (finalmente) do manuscrito de Inheritance! Tradução via /cogitolibris

Bom fim de semana!!

xoxo

New On My Bookshelf… Vol. 9

Hey pretties, depois de mais de 3 semanas, o NOMB voltou (pausa para as trombetas diáfanas e um coro celestial entoando Aleluia dos nossos patrocinadores). Enfim, desculpa a demora, mas estamos ai, as fotos serão postadas a amanhã… tomara que curtam o vídeo!

As fotos:

 

Boa semana pra todo mundo!

xoxo

New On My Bookshelf… Vol. 8

Hey pretties, mais uma edição do NOMB, sit tight e me digam quais as novidades das suas estantes!

E as fotos (com Mimo):

Espero que tenham gostado, até a próxima!

xoxo

A Melhor Capa de 2011: Resultado

Vocês votaram e a capa escolhida foi: Bios, da brazuca Luiza Salazar!

Quando Liz abre os olhos, ela se vê nas ruínas de uma cidade. E como se isso não fosse assustador o suficiente, tem mais um detalhe: Ela não se lembra de nada. Completamente perdida e sem nada além de uma mochila com alguns itens pessoais, Liz logo é resgatada por um grupo de adolescentes com ela, apenas para descobrir que eles são refugiados em um mundo onde ser humano é um crime. Uma grande corporação conhecida como O Instituto, responsável por criar vida artificial – no chamado Projeto Bios – está caçando os humanos restantes sob o pretexto de que eles são selvagens e instintivos demais para serem livre. A medida que passa tempo com estas pessoas, perturbada por fragmentos de memórias que não consegue conectar, Liz logo começa a suspeitar que o item do seu passado, aquele que ela não consegue lembrar, pode ser o segredo para a acabar com a guerra. E que o Instituto vai fazer de tudo para ver esse segredo – e ela – enterrados para sempre. 

Bios foi editado pela Underworld e tem resenha dele aqui. A capa maravilhosa, bem como a arte interna e a diagramação, são criações da Marina Avila, uma designer que assina várias capas excepcionalmente criativas!

E agora vamos ao sorteio que rolou entre os comentaristas!

O kit Um Mundo Brilhante de T. Greenwood (Novo Conceito) vai para:

#TodosCorre pra contar os comentários

#TodosPira no scroll

#NatáliaReage ao ver que ganhou

Parabéns Natália! \o/ Já sabe, é só esperar um tiquinho, que eu já entro em contato por e-mail pra pegar seus dados, ok?

Obrigada a todos que participaram, tenham um ótemô fim de semana, até la próxima! (tem outras promos rolando, não se esqueçam)

xoxo

New on My Bookshelf… Vol 6 (It’s a movie!)

(Corram enquanto podem!)

Pretties! Vamos para mais um NOMB, com uma novidade dessa vez. Tomei vergonha na cara e gravei meu primeiro vídeo! #osmoviemakerpira

A mando do Ministério dos Blogueiros, devo avisar que o tom de voz da gravação está abaixo do normal não por vergonha, também, mas por parentes dodóis no quarto ao lado.

Segurem seus corações, esse pequeno NOMB foi gravado nada menos que 11 vezes, repito: 11 v-e-z-e-s ! Um pior que o outro e, apesar das minhas habilidades de edição nível Yoda só que ao contrário não consegui eliminar os sons do ambiente…

Interpretem meus pulinhos como animação comedida, não nervosismo, e todos seremos felizes, ok?

Juro que o próximo vai ser melhor! Sério.

As fotos prometidas:

Pois é, a Mimo só resolveu aparecer quando eu já estava fotografando os livros. Na próxima eu dou um jeito de convence-la a ficar nas filmagens.

É isso pessoal, vou lá me enterrar numa avalanche, vejo vocês logo mais.

xoxo

Ganhadores da Pascoa Cor de Rosa!

FELIZ PÁSCOA! E ai? Quem aí enfiou os dois pés na jaca e tem chocolate debaixo da unha até agora? Aproveitou pra prometer não comer mais chocolate esse mês? Comeu mesmo assim? Prometeu não comer mais nada pro resto da vida? Absorveu um ovo número 20 em segundos? Não é Ano Novo, é Páscoa, pára de prometer e come logo tudo de uma vez!

Ok, empolguei. A glicose dominou, minhas desculpas.

Vamos aos sortudos. Lembrando que o primeiro sorteado vai escolher entre os dois kits: Para Sempre e Presentes da Vida (editora Novo Conceito) e o segundo fica com o outro.

O sorteio foi feito pelo Integer Widget Wizard . Preparados? O primeiro ganhador é:

Erika Barreto!

O segundo ganhador é:

Fernanda Mendonça!

Parabéns moças! Fiquem de olho nas suas caixas de e-mail, logo o IYRDIW passa por lá!

Esse sorteio é um oferecimento King’s Landing Royal MightyPress e leva o Real selo Rei Jeoffrey Lannister Baratheon de qualidade. Desculpa.

Ele ameaçou cortar minha cabeça e botá-la nos muros da cidade, caso eu não aceitasse a honra de exibir o selo. Just saying.

Boa semana! xoxo

Insonia is coming #2

Pretties, vamos conferir os lançamentos que prometem tirar o pouco sono que me resta? Tem pra todos os gostos!

Vamos guardar o melhor pro final, certo? Não me odeiem. Não é que eu não goste de The Host, eu a-m-o The Host, mas o teaser que fizeram, ele…, ah, tirem suas próprias conclusões:

Citando a comparsa Natália do Vire a Página “Fizeram esse teaser no paint”.

Eu imploro que não julguem o livro A Hospedeira por Crepúsculo! São estórias completamente diferentes e, na minha opinião, The Host dá de 10 a 0 num monte de romances distópicos por aí!

O lançamento do filme está previsto para 29/03/2013. Tem chão.

Vamos aos livros?

Todos os anos, os magos de Imardin reúnem-se para purifi car as ruas da cidade dos pedintes, criminosos e vagabundos. Mestres das disciplinas de magia, sabem que ninguém pode opor-se a eles. No entanto, seu escudo protetor não é tão impenetrável quanto acreditam.

Enquanto a multidão é expurgada da cidade, uma jovem garota de rua, furiosa com o tratamento dispensado pelas autoridades a sua família e amigos, atira uma pedra ao escudo protetor, colocando nisso toda a raiva que sente. Para o espanto de todos que testemunham a ação, a pedra atravessa sem dificuldades a barreira e deixa um dos mágicos inconsciente.

Trata-se de um ato inconcebível, e o maior medo da Clã de repente se concretiza: uma maga não treinada está à solta pelas ruas. Ela deve ser encontrada, e rápido, antes que seus poderes fiquem fora de controle e destruam a todos.

Não preciso dizer muita coisa, né? Qualquer história com magia é válida, e essa está com ar de IMPERDÍVEL.

Você pode até fugir da sepultura, mas não pode se esconder para sempre… A meio-vampira Cat Crawfield é agora a Agente Especial Cat Crawfield, trabalhando para o governo para livrar o mundo de mortos-vivos mal intencionados. Ela ainda usa tudo o que Bones, seu ex-namorado sexy e perigoso, ensinou a ela. Mas quando Cat torna-se alvo de assassinos, o único homem que pode ajudá-la é justamente o vampiro que ela abandonou. Estar perto dele desperta todas as suas emoções, desde a adrenalina ao matar vampiros ao seu lado à temerária paixão que os consome. Mas o preço por sua cabeça – Procura-se: morta ou meio-morta – significa que sua sobrevivência depende de unir-se a Bones. Não importa o quanto tente manter as coisas profissionais entre eles, Cat irá descobrir que o desejo dura para sempre… E que Bones não vai deixá-la fugir novamente.

Eu tenho várias coisas positivas a falar sobre essa série, mas a capa que escolheram para o segundo volume me impede de articular corretamente. Por que fizeram isso com o livro eu ainda não sei, mas tenho uma vontade incontrolável de derrubar aquela moça da moto.

O Norte jaz devastado e num completo vazio de poder. A Patrulha da Noite, abalada pelas perdas sofridas para lá da Muralha e com uma grande falta de homens, está nas mãos de Jon Snow, que tenta afirmar-se no comando tomando decisões difíceis respeitantes ao autoritário Rei Stannis, aos selvagens e aos próprios homens que comanda. Para lá da Muralha, a viagem de Bran prossegue. Mas outras viagens convergem para a Baía dos Escravos, onde as cidades dos esclavagistas sangram e Daenerys Targaryen descobre que é bastante mais fácil conquistar uma cidade do que substituir de um dia para o outro todo um sistema político e económico. Conseguirá ela enfrentar as intrigas e ódios que se avolumam enquanto os seus dragões crescem para se tornarem nas criaturas temíveis que um dia conquistarão os Sete Reinos?

A intenção da editora Leya é lançar esse por aqui em Julho, como aquecimento para a Bienal do Livro de São Paulo, em Agosto. Deus sabe o quanto Julho está longe para as pessoas que devoraram O Festim dos Corvos na 1ª semana de Fevereiro.

Sirensong é o terceiro livro da série Faeriewalker. Neste volume, Dana é convidada a ir a Faerie para ser oficialmente apresentada à Corte Seelie. Porém, Titânia, a rainha, a quer morta. O convite não pode ser recusado e Dana, seu pai e seus amigos rumam a uma viagem cercada de perigos, ataques, ameaça e medo. Será que ela conseguirá vencer esses desafios? Uma saga surpreendente, recheada de aventuras e romance. 

Apesar de ter ficado um pouco desapontada com o segundo volume, ainda estou doente para saber o que vai ser da Dana. Esse sai no final do mês.

Sem o conhecimento dos mortais, uma luta pelo poder está se desenrolando em um mundo de sombras e perigo. Depois de séculos de estabilidade, o equilíbrio entre as Cortes das Fadas se alterou e Irial, o regente da Corte Sombria, está lutando para manter suas rebeldes e vulneráveis fadas juntas. Se ele falhar, o derramamento de sangue e a brutalidade não tardarão a aparecer. Leslie, dezessete anos de idade, não sabe nada das fadas e suas intrigas. Quando ela é atraída para uma tatuagem estranhamente bela de olhos e asas, ela sabe que precisa tê-la, convencida de que é um símbolo tangível das mundaças que ela desesperadamente anseia para si. A tatuagem realmente traz mudanças, mas não as que Leslie sonhava, mas sinistras, mudanças que são mais do que simbólicas. Essas mudanças ligarão Leslie e Irial, envolvendo Leslie cada vez mais no mundo das fadas, incapaz de resistir a seus encandos e indefesa para suportar os perigos…

Essa é uma das séries de fadas mais promissoras da atualidade. Fiquei literalmente encantada pelo primeiro volume, Terrível Encanto (resenha aqui) e já estava mais que ansiosa pela sua continuação!

E por último, mas não menos importante eu quase chorei quando recebi a notícia de que A Filha do Sangue – Lendas do Mundo Emerso (Licia Troisi salve salve) vai ser lançado esse mês. Se você ainda não leu nada da autora meus pêsames não se aflija, ainda dá tempo! Comece por A Garota da Terra do Vento.

 O mal implantado pelo povo dos elfos no Mundo Emerso está dizimando as cidades e vilas em um redemoinho de violência e desespero. Enquanto a sacerdotisa Theana busca uma cura para a doença e a Rainha Dubhe organiza uma fraca resistência contra o exército de elfos, a única esperança do Reino corre o risco de desaparecer: Adhara, a garota sem passado. Ela é muito mais que uma guerreira, é uma arma, a mais poderosa arma já vista pelo Mundo Emerso. Acima de tudo, Adhara não é uma predestinada, é uma Consagrada, criada com o único propósito de combater o Marvah, o mal absoluto que eternamente se alterna com o bem no ciclo da história. Mas o seu destino era outro, a vida mortal abandonada no campo, e o destino quer retomar seu curso, sob o preço de destruí-la. Inimigo inesperado impede a missão de Adhara: não mais seu amor por Amhal e seu mal, e nem a loucura da praga, mas uma sombra pedira um preço alto.

Acho que a própria capa soltou um spoiler gigantesco, reparem no olho direito de Adhara (direita dela, não sua). Parece que ele não está mais lá… Só serve para aumentar ainda mais minha expectativa!

Pra finalizar e entrar no clima do feriadão: Mika! Ele é novidade? Não! A música pelo menos é nova? Não! Mas é impossível não se animar ouvindo Grace Kelly e cantar em falsete junto! Deleitem-se, ele canta em francês.