Glass Sword (Espada de Vidro) – Victoria Aveyard

816gr5kQlEL

  •  Autor: Victoria Aveyard
  •    Editora: Harpen Teen
  •    Nº de Páginas: 383
  •    Edição: 1
  •    Ano: 2016
  •    Título Original: –
  •    Tradutor: –

   Avaliação: 8,5

NÃO SE APROXIME DESSA RESENHA se você ainda não leu Red Queen! Se você continuar é por sua conta e risco e não me responsabilizo por queimaduras, afogamentos, desmembramentos e possível loucura que venham a ocorrer.

“Se sou uma espada, sou uma espada de vidro, e já me sinto prestes a estilhaçar.”
O sangue de Mare Barrow é vermelho, da mesma cor da população comum, mas sua habilidade de controlar a eletricidade a torna tão poderosa quanto os membros da elite de sangue prateado. Depois que essa revelação foi feita em rede nacional, Mare se transformou numa arma perigosa que a corte real quer esconder e controlar.
Quando finalmente consegue escapar do palácio e do príncipe Maven, Mare descobre algo surpreendente: ela não era a única vermelha com poderes. Agora, enquanto foge do vingativo Maven, a garota elétrica tenta encontrar e recrutar outros sanguenovos como ela, para formar um exército contra a nobreza opressora. Essa é uma jornada perigosa, e Mare precisará tomar cuidado para não se tornar exatamente o tipo de monstro que ela está tentando deter.

————————————————————————————————————————————————————————————————–

 

Digamos que, depois de publicamente escolher o irmão errado e manipular descaradamente os sentimentos de Cal, as coisas ficaram um pouco constrangedoras pro lado da Mare.

Quero dizer, ela está presa a ele agora.

Acho melhor vocês saberem, não tem romance nesse livro. Ter tem, mas é tão pouco e tão abafado pela confusão interna dos dois protagonistas traídos, que nem vale a menção. Não que eu ache que fez falta, sinceramente NÃO FEZ, e isso vindo daquela que literalmente vibra quando a mocinha beija o mocinho é alguma coisa…

Baixou uma entidade na Mare, a entidade megalomaníaca do professor Xavier, diga-se de passagem, que a faz pensar que o Universo gira em torno do traseiro ossudo dela. E se isso é cansativo pros personagens à volta dela, imagina para mim, que estava ‘dentro’ da cabeça com um fio desencapado dela?

Como era de se esperar ela foi atrás dos seus semelhantes, numa mistura muito louca de Professor X (o Shade sendo uma espécie de Ciclope amigável e Cal um Wolverine com cólicas menstruais) e Katniss Everdeen. Não me levem a mal, eu gostei dessa mistura, gostei mesmo, achei emocionante e me deixou curiosa para saber o que eles encontrariam pela frente, o problema é que a Mare estava se achando a ultima bolacha do pacote. Ela não PARA, o livro todo, de dizer o quanto ela é poderosa e fodona e que o poder dela e ela são super valiosos e mimimi (humildade mandou um beijo), quando na verdade, praticamente todos (ok, não tantos assim, mas fiquei brava) os newbloods que ela encontra tem poder suficiente pra dar um couro nela! Além disso ela fica dizendo que ninguém realmente gosta dela, eles somente a temem… UUUUI. Mare, por favor, pare.

Só um adendo, a Victoria Aveyard deu uma de George R. R. Martin (Cadê o 6º livro??????????) e está tratando o elenco de Glass Sword como ele trata a família Stark, ok? Não se apeguem.

Ainda estou receosa depois do final de Red Queen, ainda não confio realmente em ninguém, nem mesmo em Cal. Ele foi enganado pelo irmão mais novo? Sim. Isso quer dizer que ele está do lado da Mare? Absolutamente não. Vamos recapitular que o Cal é o general criado para governar o reino dos Prateados, não uma nação de Prateados & Vermelhos. Ele pode até ter salvado a vida da Mare no Bowl of Bones, mas isso não quer dizer que seus motivos foram realmente altruístas. Só estou dizendo…

Eu sei que não posso mencionar isso aqui, mas esse final, MEO DEOS ESSE FINAL!  Ainda estou tentando me recompor emocionalmente, e sempre falho por que daí lembro que vai demorar horrores até eu ter a continuação em mãos… Sério, esse é um daqueles desfechos que te deixam paralisado, quase sem conseguir virar as páginas, rezando pra não acabar. E ainda por cima tem um epilogo matador!

Ufa!

Não vou perder tempo indicando essa continuação a ninguém, se você leu Red Queen você também precisa saber o que vai acontecer com Mare. Se joga, vale muito a espera!

xoxo e bom meio de semana

Anúncios

Mostre que está acordado:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Plágio? Não aqui!

    MyFreeCopyright.com Registered & Protectedcopyright video
  • Agora você já pode ir dormir :)

%d blogueiros gostam disto: